O que Fazer em Carcassonne e o que Visitar

castelo de carcassonne

Você já sonhou em conhecer alguma cidade medieval, igual as cidades que vemos nos filmes? Com castelos, ruas de pedras e grandes muralhas onde bravos guerreiros já guerrearam?

Tudo isso pode ser resolvido se você viajar à França! Que tal sair um pouco da frente das telas e conhecer uma cidade medieval de verdade?

Estamos falando sobre Carcassonne, a cidade medieval mais bem preservada em toda a França. Pisar lá é como entrar em um livro antigo e reviver os séculos passados.

Ela foi fundada séculos atrás, com o objetivo de defender o reino de Aragão. São mais de 3 quilômetros de muralhas e mais de 52 torres medievais em Carcassonne.

Diz a lenda que o nome da cidade foi uma homenagem a uma moradora da época chamada Dama Carca. Segundo a lenda, ela teve a ideia de tocar todos os sinos ao mesmo tempo para afugentar os inimigos que haviam invadido a cidade durante à noite.

Com isso, os inimigos acharam que havia um grande exército pronto para atacar. Depois disso, a cidade ficou conhecida como Carca sonne, ou Carca soa (por causa dos sinos). E daí, virou Carcassonne.

carcassonne

Com o passar dos anos, a cidade foi ficando deteriorada. Somente no final do século XIX ela começou a ser restaurada, atraindo olhares de todo o mundo. Inclusive, uma das torres da cidade serviu de inspiração para a produção do desenho “A bela adormecida”, de Walt Disney.

E então, ficou curioso (a) para conhecer mais sobre a principal cidade medieval da França? Dá uma olhada nas dicas abaixo que eu separei para você!

O que fazer em Carcassonne

o que fazer em carcassonne
foto : Shutterstock por Stephen M Brook

1- Praça Carnot

A Praça Carnot fica no centro da cidade. Além de poder contemplar a Fonte de Netuno que fica bem ao meio da praça, você também terá diversas opções de bares e restaurantes.

Se você é mais chegado (a) em uma vida noturna, opções não faltarão de barzinhos. Além disso, três vezes por semana é montada uma feira que vende produtos locais na praça.

É um bom lugar para quem quer descansar um pouco as pernas e reabastecer as energias com um café.

E por mais que faça parte do centro da cidade, ainda assim é menos cheio do que a parte medieval da cidade.

Bem próxima à praça, você ainda poderá conhecer a Rua Georges Clemenceau, que é toda decorada com muitos guarda-chuvas coloridos no alto. Você ainda encontrará um monte de opções de lojas de roupas, lembranças, sorveterias e bombonieres.

2- Les Halles

O Les Halles é o grande mercado municipal de Carcassonne. Lá, você se deliciará com uma quantidade enorme de opções de queijos, frutas, vinhos, doces, massas e especiarias.

Além disso, de vez em quando são feitas também algumas exposições em espaços que ficam dentro do mercado. Você pode apreciar algumas obras enquanto saboreia o seu café.

castelo carcassone

3- Castelo De Carcassonne

Dentre os principais pontos turísticos de Carcassonne, o Castelo de Carcassonne merece um destaque especial.

Este é um dos castelos mais antigos da cidade, e foi construído no início de 1.100 d.C.

Na época, o castelo pertenceu à família Trencavel, e pouco tempo depois ele precisou ser entregue à coroa francesa. 

Dentro do castelo, é possível conhecer mais sobre a sua história através de exposições, que contam inclusive sobre o processo de restauração feito pelo arquiteto Viollet-le-Duc.

Inicialmente, o castelo já havia sido construído com grandes muralhas, mas alguns anos depois elas foram reforçadas para proteger ainda mais os limites do castelo.

Na época, para que as pessoas conseguissem entrar no castelo, era necessário passar por duas portas.

A primeira dava acesso a um pátio que levava a uma ponte, que só então daria acesso ao interior do castelo.

Nessa primeira ponte não havia proteção dos dois lados, e isso foi feito de forma proposital. Caso alguém invadisse o castelo, os arqueiros que ficavam localizados em pontos estratégicos poderiam acertar os invasores com as flechas.

Ao passear pelas muralhas, você poderá ver a cidade do alto, proporcionando uma bela vista.

basilica carcassonne
foto : Shutterstock por Inu

4- Basílica De Saint-Nazaire

A Basílica de Saint-Nazaire impressiona qualquer pessoa que veja a construção por fora. Ela começou a ser construída no século VI d.C.

Porém, ao longo dos séculos ela foi passando por diferentes reformas a mando dos papas e reis das épocas para que fossem construídas de acordo com o estilo arquitetônico da vigente.

São mais de 22 janelas enormes no interior que iluminam naturalmente a catedral construída através do estilo gótico.

Na verdade, ao longo dos anos ela passou por tantas reformas que hoje em dia é um misto do estilo gótico com o românico. Além disso, um de seus diferenciais é o fato de ter sido dedicada a dois santos: Saint Nazaire e Saint Celsus.

Somente em meados do século XIX ela virou patrimônio da humanidade. Violette Le-Duc também foi responsável pela reforma da basílica.

o que fazer em carcassonne
foto : Shutterstock por By Jbarambio

5- Teatro da Cidadela

Ou então Theatre de la Cité, foi construído no início de 1900, mais precisamente no ano de 1908, e fica localizado bem ao centro de Carcassonne. Ele tem capacidade para pouco mais de 6 mil pessoas, e é sede de diversos eventos culturais como peças teatrais, óperas, shows musicais e festivais que geralmente ocorrem em todos os verões.

No final da década de 50, um ator e diretor francês chamado Jean Deschamps criou um famoso Festival de la Cité, que acontece sempre nos meses de junho a agosto.

passeio de barco em toulouse

6- Canal Du Midi

O Canal du Midi é um dos canais mais importantes da região. Ele não passa somente por Carcassonne, como também corta várias cidades da região.

Ao total, ele possui mais de 260 km de extensão! Além disso, são mais de 120 pontes e 6 eclusas. Por isso, pode render um belo passeio quando você conhecer essa cidade.

Inclusive, o canal já foi tombado pela UNESCO como patrimônio da humanidade.

Se você quiser passear pelo canal, vá até a estação de trem da cidade para ter uma vista privilegiada dele.

De lá, você poderá ver uma das eclusas em funcionamento. É muito legal ver ela enchendo para transportar os barcos de um lado para outro!

cassoulet
foto : Shutterstock por margouillat photo

7- La Maison de La Blanquette

Bateu a fome? Então, a recomendação é conhecer o restaurante Le Maison de La Blanquette. Ele fica localizado na Place Marcou, do lado de dentro das muralhas de Carcassonne.

Para chegar lá é simples. Basta entrar pela Porte Narbonnaise e entrar à primeira esquerda. Lá, você encontrará uma praça onde há um grande movimento, principalmente nas noites de verão.

Existem vários restaurantes ali pela região, mas o preço entre eles não difere muito. Se você escolher esse restaurante, seria interessante provar as linguiças e cassoulet, típicos da região.

O cassoulet, bem tradicional na cidade, é um prato feito à base de feijão branco, linguiça, e carne suína, lembra um pouco a nossa dobradinha. Existe também uma outra versão do cassoulet, que ao invés de carne de porco, leva carne de pato. Não é um prato nada leve, mas vale a pena ser experimentado!

Assim que você terminar o seu jantar, aproveite para dar um passeio pela região e conhecer as muralhas durante à noite. A perspectiva será completamente diferente. A região é bem segura, então você não precisa se preocupar ao caminhar pela noite.

o que fazer em carcassonne

8- Château Comtal

O Castelo Comtal é um dos principais pontos turísticos de Carcassonne, e você não pode deixar de visitar a atração.

Se for passar apenas um ou dois dias na cidade, é um ponto que deve entrar no seu roteiro de apenas um dia.

O Castelo Comtal fica no coração de Carcassonne, e durante o século XII passou por uma restauração até ficar semelhante ao que é hoje. Só dá para subir até as muralhas internas visitando a atração por dentro.

Lá de cima, você pode ter uma visão privilegiada de Carcassonne, e ainda poderá avistar de um ângulo bem melhor as montanhas dos Pyrénées.

Olhando ao norte em direção às montanhas, é possível avistar alguns dos principais vinhedos da cidade, que são os de Minervois e Corbières.

E olhando em direção ao sul, é possível avistar as paisagens mais selvagens de Carcassonne.

Ao visitar o castelo, você também poderá conhecer pequenos museus internos que contam a história do local e expõe objetos arqueológicos encontrados na região.

E falando em museu, outra atração que você poderá visitar na cidade é o Museu da Tortura, mas que não fica localizado no castelo. Lá você poderá ver de perto os principais objetos utilizados durante a Santa Inquisição.

onde ficar em carcassonne
https://www.accorhotels.com/5524

Onde ficar em Carcassonne

Apesar da cidadela medieval ser a principal atração de Carcassonne, não recomendo ficar lá perto. A cidadela é bem afastada da cidade, e não tem muita coisa ao redor, então o centro de Carcassonne é a melhor opção.

Clique aqui para ver todas as opções de hospedagem em Carcassonne

toulouse

Outras cidades nos arredores de Carcassonne

Carcassonne fica no meio do caminho entre Toulouse e Montpellier, uma parada ideal para quem está visitando o sul e sudoeste da França. Cidades praianas como Narbonne, Béziers e Sète também são outras excelentes opções para conhecer.

ryanair

Como chegar em Carcassonne

Avião

Carcassone possui um pequeno aeroporto, com voos para a França e outras cidades em países europeus. A principal companhia aérea a voar para o pequeno aeroporto, é a Ryanair com voos para Londres, Bruxelas, Manchester, Porto e outros voos sazonais.

como viajar de trem na frança

Trem

Uma outra maneira bem tranquila de chegar em Carcassonne é de trem. Se você já estiver viajando pela França, ir de trem para Carcassonne é uma boa ideia. Saindo de Paris, o trem que vai para Carcassonne é um trem noturno, desses com beliches.

Carcassone tem trens de Toulouse, Bordeaux e mesmo para cidades com Lyon e Marselha. Faz uns dois anos que começaram a ter trem rápido também para a Espanha, para Barcelona pra ser exata.

A França é uma fonte inesgotável de atrações turísticas e cidades históricas. Carcassonne, que já esteve tão perto de ser devastada, conseguiu se reerguer de forma impressionante, e hoje é uma das cidades francesas mais visitadas.

A junção de muralhas, fossos e fortalezas faz com que o visitante se perca em um passado histórico em meio a tantas guerras e vitórias.

E aí, você gostou de conhecer um pouco mais sobre Carcassonne?

Então, deixe o seu comentário abaixo, e a aproveite para compartilhar esse post com os seus amigos que pretendem viajar à França. É uma forma legal de mostrar o outro lado francês que não seja o mais óbvio!

Hospedagem: Aproveite ofertas exclusivas até 50%. Avaliações dos hóspedes, sem taxa de cancelamento, hotéis baratos, etc.

Passagens Aéreas: Encontre passagens aéreas baratas, encontre passagens aéreas com até 35% OFF.

Ingressos e Excursões: Não perca tempo! Lembranças não são feitas em filas. Reserve com antecedência e evite as filas das maiores atrações do mundo.

Viaje Conectado: O melhor chip internacional entregue em sua casa.

Seguro Viagem: Antes de fazer uma viagem é importante tomar alguns cuidados. Peça uma cotação e escolha o melhor plano: cobertura médica, extravio de bagagem e até cancelamento de voos! Ganhe 5% de desconto em seguro viagem com nosso link!

Loja da Paula : O que levo para viajar.

3 COMENTÁRIOS

  1. Que cidade linda… se eu não me engano a “padroeira” da escolha onde estudei nasceu e cresceu aí… chama Madre Emilie de Villeneuve. Eu lembro pq quando era pequena eles distribuíram um livreto com a história dela contada em quadrinhos. Ela morreu de cólera.

    Kisu!

  2. Conheci Carcassonne e só me fez lembrar a vila da Bela e o Monstro, simplesmente maravilhosa. Parti de Toulouse num comboio que demorou pouco mais de 1 hora e segui a pé da estação para o castelo, faz-se bem a pé e aproveita-se para passear, mas pode-se sempre optar pelo transporte público, claro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.