Trem na Alemanha : Como Funcionam

Trem na Alemanha : Como Funcionam

trem na alemanha

Eu adoro viajar de trem, e foi na Europa que comecei a viajar dessa maneira e não parei mais. A Alemanha é um dos países europeus com os melhores trens, viajar de trem na Alemanha é muito fácil e prático. É também uma excelente pedida para conhecer o país, com algumas das mais belas rotas a se tomar.

Mesmo que seja a sua primeira vez andando trem, vai conseguir se sair super bem porquê as estações de trem na Alemanha apesar de algumas serem grandes, são sempre bem sinalizadas e é muito fácil andar por elas, apesar de eu sempre recomendar que chegue bem cedo.

Como viajar de trem na Alemanha

trem na europa

Tipos de trem na Alemanha

Com uma malha tão extensa, você deve conhecer bem os trens do país, como pagar e como aproveitar o trajeto. Existe todo tipo de trens : rápidos, lentos, que param em todas as cidades, que param apenas nas cidades principais etc. Claro que o preço também varia de acordo com o tipo de cada trem, os mais rápidos são mais caros.

Quanto mais rápido e moderno seu trem, mais comodidades ele vai ter. Os trens com mais paradas tendem a ser trens mais simples, enquanto o ICE que é o trem de alta velocidade, tem vagão restaurante, assentos mais confortáveis, e em muitos casos tem wifi e tomada.

trem na alemanha

Comprando as passagens

Dá para comprar passagem na própria estação, tanto em máquinas como em guichês, mas eu sempre recomendo que se compre online e com antecedência, já que os preços assim são melhores. A compra de passagem pode ser feita online, no site da empresa alemã de forma simples e direta. Melhor ainda, você pode marcar seu assento no trem aqui no Brasil já. Também é mais vantajoso que comprar passes integrados vendidos pela Rail Europe, geralmente restringindo o usuário a trens mais lentos e rotas baldeadas demais.

Além de ser um processo simples, ainda está disponível em várias línguas. No site, você começa escolhendo a estação de origem – e destino – bem como data e horários de partidas nesses locais indicados. Após isso, começam as opções como escolha do assento em que existem opções como: open saloon, assentos lado a lado, e open saloon, assentos compartilhando uma mesa (dois de um lado, dois do outro).

o que fazer em basel

É bom você marcar o assento, pois nunca se sabe a lotação do trem – e você não quer ficar mudando de assento a cada parada. No entanto, caso queira encarar, atenção ao letreiro luminoso em cima de cada assento, mostrando até qual cidade está marcado. O meu conselho é você não economizar os 4,50 euros para reservar o assento, uma vez tentei economizar no trem na Eslováquia e peguei um trem lotado, tive que sentar no chão, foi uma economia que me custou caro e prometi nunca mais comprar trem sem reservar o assento.

Quanto a documento de identificação, o nosso não é aceito, então apenas ignore e siga para o cartão de crédito escolhido, efetuando a compra. Com o processo finalizado, os tickets online são enviados e basta imprimir. É possível pagar com os principais cartões de crédito e com o paypal, ahhh! Se você comprar com o cartão de crédito, é necessário levar ele durante a viagem, nem sempre os fiscais do trem pedem, mas podem pedir, é uma maneira de evitar fraudes e assim ninguém vai comprar passagens com o seu cartão, já que vai precisar dele para viajar.

Quando escolher o ticket online, tenha em mente que você terá que usar seu cartão de crédito como “documento de identidade”. Já que nosso documento não é aceito, o cartão que servirá como identificação (não necessariamente o usado para compra, você pode usar outro como identificação).

Existe também a possibilidade de você receber os bilhetes em caso pelo correio, mas quer saber? Eu acho bem desnecessário e não pagaria a mais por isso, já que é possível receber o bilhete por email e apenas imprimir, além do preço, ter que contar com o serviço dos correios brasileiros não é a melhor das ideias.

Trem noturno na Alemanha

Assim como a maioria dos países europeus, o sistema de trem na Alemanha tem opções de trens noturnos para distâncias um pouco maiores. Há várias possibilidades que claro, dependem do preço que você pode pagar, e são compartimentos com beliches ou treliches, separados de acordo com sexo, ou seja há compartimentos para homens e compartimentos para mulheres.

trem na alemanha

Passes regionais

Cada região do país possui seu próprio passe regional, mas o que é isso? Trata-se de um passe que dá direito a viagens ilimitadas entre qualquer cidade da região, assim como utilização de seus transportes públicos.Outra vantagem desses passes é que você viajar num grupo de até 5 pessoas, sem pagar por um valor alto em 5 tickets individuais.

No entanto, conta com a desvantagem do tipo de trem que pode ser usado e restrição de horário, mais fechado durante a semana. Você pode acabar pegando três mais lentos (RB, RE, IRE, S-Bahn, SE) num horário avulso. Em alguns casos, principalmente viagens mais longas, é bom comprar uma passagem individual nos trens mais rápidos (IC, EC, ICE).

Alguns passes interessantes, todos podendo ser conferidos no site da Deutsche Bahn, são:

  • Bayern Ticket (Munique, Füssen, Salzburg, na Áustria)
  • Baden-Württemberg Ticket (Heidelberg, Stuttgart, Baden-Baden, Freiburg, Freudenstadt)
  • Sachsen Ticket (Dresden, Leipzig)

Inclusive, o Bayern Ticket é um dos mais interessantes, podendo até visitar uma cidade fora do país, caso de Salzburg, na Áustria. Além disso, outras cidades fora da Baviera podem ser visitadas (Kufstein, Reutte e Ulm). Ele é válido de segunda a sexta, das 9h às 3h da manhã, e nos finais de semana, de meia-noite até as 3h da manhã. A tabela de preços segue de 25 euros para 1 passageiro à 49 euros para 5.

trem na alemanha

Passagem avulsa ou passe regional, compre com antecedência

No site da Deutsche Bahn costumam aparecer passagens promocionais com 90 dias de antecedência, aproximadamente, da data de viagem. Essa é o tempo ideal para começo de algumas pesquisas de passagem. Isso inclusive é válido para outras empresas de trem espalhadas pela Europa, como a Thalys, Renfe e Trenitalia, entre tantas outras.

Na estação de trem

Já na estação, procure pelos painéis onde são expostas as informações referentes ao trem. Informações como posicionamento na plataforma do vagão são importantes, pois os trens costumam ser bem pontuais. Se você embarcar em uma cidade intermediária no trecho, é importante já estar no lugar onde seu vagão vai parar, se for o caso, isso estará sinalizado seja nos monitores, no chão ou em placas ao longo da plataforma.

Além disso, trens diferentes podem fazer a mesma rota, no mesmo horário, em dias da semana diferentes. No caso do vagão ser o 23, veja a posição dele no mapa, pois pode estar indicado na praça B. Outro que fazia a mesma rota era menor, sendo necessário essa alteração de posicionamento. Mais importante ainda é verificar o seu trem nos mostradores no alto do painel, pois seu destino pode ser antes do ponto final. Em alguns casos, só é mostrada a última atenção, então preste mais atenção ao número do trem. 

como ir do aeroporto de schoenefeld para berlim

Trens internacionais na Alemanha

Além de poder viajar de norte e sul na Alemanha de trem, você também pode conhecer os países vizinhos com os trens internacionais. Existem trens que levam para as capitais de países vizinhos como Copenhague, Liubliana, Bratislava, Amsterdam e outras.

A primeira vez que peguei um trem internacional na Alemanha, foi indo de Aachen para Liège que fica já na Bélgica, a gente nem percebe que muda de país. Como ambos os países fazem parte do Espaço Schengen, não é necessário passar na imigração, embora seja necessário levar o passaporte já que você vai entrar em outro país.

trem na holanda

Bagagens no trem 

Não há restrição de quantidade, peso ou tamanho de bagagens, mas o espaço reservado para elas é limitado. Esse espaço é acima dos assentos e não exatamente muito espaçoso, cabendo no geral apenas bagagem de mão e mochilas. Para malas um pouco maiores, há um compartimento como esse seja na ponta de cada vagão ou no meio, e deve ser usado por todos, ou seja o espaço é bem limitado!

Em trens comuns, você pode levar também sua bicicleta gratuitamente se ela for daquelas dobráveis, em trens de longa distância no entanto é necessário que você compre um bilhete especial para levar a sua bicicleta.

Chegando na estação

Pode parecer amedrontador encarar a língua alemã na hora de buscar informações na estação, mas pode se tranquilizar. As placas de sinalização são simples e os funcionários da Deutsche Bahn sempre prestam apoio.No entanto, busque chegar com uma certa antecedência na estação, quem sabe uns 20 ou 30 minutos antes do horário de partida. Caso não saiba muito da estação, é bom para se localizar, eu sempre gosto de ir cedo e aproveito para comprar um lanche para a viagem.

Inclusive, dependendo do tipo de passagem comprada, aproveite para paradas estratégicas em um mesmo dia. A passagem padrão da Deutsche Bahn permite isso, possibilitando de pegar o trem do mesmo trecho em qualquer horário. Assim, num trecho entre Frankfurt e Munique, você pode fazer uma parada no meio da viagem e aproveitar cidades como Nuremberg ou Wurzburg. Feito o rápido passeio, basta chegar na estação e seguir caminho.

Maior parte das estações ficam no centro da cidade e nos grandes centros turísticos existem lockers, onde você pode deixar a mala enquanto passeia.

trem na alemanha

Dentro de uma estação de trem na Alemanha

As estações de trem na Alemanha podem ser bem grande e cheias de lojas, o tamanho da estação de trem está ligado ao tamanho da cidade, assim cidades pequenas tendem a ter estações menores.  Estações de cidades maiores tem muitas opções de lugar para comprar lanches, tem lojas de cosméticos e algumas tem inclusive lojas de lembrancinhas.

As melhores rotas de trem na Alemanha

Para encerrar esse post sobre trem na Alemanha, existem boas rotas de trem para se fazer e aproveitar as lindas paisagens. São bons passeios pelos modernos centros urbanos e para aproveitar de boa gastronomia e história.

1. Rota Offenburg – Konstanz (Rota da Floresta Negra)

Boa rota para quem quer desfrutar da bela paisagem que é a Floresta Negra (Schwarzwald), uma cordilheira do sudoeste da Alemanha. A linha ferroviária percorre 150 km de paisagens, passando por túneis, florestas e árvores de galhos escuros. Inclusive, é carregado de uma bela aula de mistério, que inspirou os Irmãos Grimm em suas várias histórias. Nas paradas, pode aproveitar do bolo Floresta Negra e o Kalbsrouladen, o rocambole de vitela. E não esqueça de admirar os relógios-cuco da região e aproveitar um banho termal em Baden-Baden.

2. Rota Munique – Füssen (Rota Romântica)

Conhecido como Rota Romântica, é perfeito para admirar um dos principais cartões-postais do país: o Castelo de Neuschwanstein. Inclusive, a paisagem é repleta de cenários bucólicos em belos vilarejos parados no tempo.É também ideal para quem busca conhecer um pouco de história, pois além de belíssimo, o castelo carrega um ar interessante.

Começou como um projeto de conto de fadas do Rei Luís II da Baviera, porém ele foi declarado insano pelo Estado, próximo da conclusão do projeto. Logo foi preso, e depois encontrado morto, uma história macabra digna dos Grimm.

3. Rota Frankfurt – Bruxelas (Rota dos Castelos da Alemanha)

Embarcando em Frankfurt, prepare-se para uma viagem recheada dos mais belos castelos da Alemanha. Logo de cara você encontra o Castelo de Heidelberg, a oitava maravilha do mundo no século XVII. De Mannheim para a Colônia você poderá ver também lindos castelos ao logo do Rio Reno: Stahleck, Rheinfels, Marksburg, além do Mosteiro Eberbach, hoje uma vinícola. Para terminar, pegue um trem na estação da Colônia, em direção à Bruxelas.

4. Rota Trier – Koblenz (Rota da Mosela)

Essa rota é importante para quem é amante de um bom vinho, localizada numa região conhecida por suas cidades vinícolas. Mais de 500 km pelas curvas do Rio Mosela, até esse se encontrar com o Reno. Além dos vinhos, também é reconhecido por suas cidades e vilarejos históricos, recheados de pratos típicos. Alguns que merecem destaque são o Schmalzbrot (pão com pasta de gordura e bacon) e o Speckplätzchen (pãezinhos de bacon).

Inclusive, não é na rota dos castelos, mas possui bons castelos medievais também, com a chance de você participar de algumas festas neles. Recomenda-se alguns eventos como os festivais de vinho, festivais de antiguidade, de bicicleta, entre outros.

Planeje sua viagem e aproveite as ofertas dos nossos parceiros

Pesquisa de voos baratos: Pesquise e compare voos no JetRadar

As melhores ofertas de hotéis estão aqui: Booking.com

Se você prefere viajar de trem: Rail Europe

Aluguel de carro: As melhores tarifas para alugar um carro

Ônibus Turístico no mundo todo: Big Bus Tours

Reserve os ingressos para atrações e tours guiados: Ingressos corta fila para atrações no mundo todo

Prepare a sua viagem com os guias: Planeje já sua viagem!

Seguro de viagem, simples e flexível: Comprar, prolongar e requisitar online

A cada vez que você reserva pelo meu blog, eu ganho uma pequena comissão que ajuda a manter o blog, obrigada!

About The Author

Uma menina baiana morando em Hong Kong. Já chamou de casa cidades como Paris e Londres e hoje se aventura na Ásia. É viciada em viajar e ama Istambul de paixão!

Related posts

2 Comments

  1. Gabriela Torrezani

    Super útil esse post Paula, estamos querendo fazer uma viagem pela Alemanha de trem e caiu como uma luva! Bom saber das opções de trem noturno, usando esse tipo de transporte/hospedagem dá para otimizar o tempo da viagem…

    Reply

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais em Alemanha, Dicas de Viagem, Europa, Planejamento, Slides, Transporte, Trem
onde se hospedar em shenzhen
Onde se Hospedar em Shenzhen : Dicas de Hotéis

o que fazer em penang
O que Fazer em Penang na Malásia

Fechar