O que Fazer em Varsóvia e o que Visitar

O que Fazer em Varsóvia e o que Visitar

varsóvia
Quando comprei minha passagem para Polônia com chegada e saída em Varsóvia eu não sabia bem o que esperar dessa cidade. A Polônia é um país relativamente desconhecido para nós brasileiros não é tão turístico como Espanha e França por exemplo e a maioria de nós conhece pouquíssima coisa desse país da Europa Central.
A verdade é que a maioria das pessoas que vão para Polônia acabam indo apenas para Cracóvia que é muito mais turística. Eu nunca tinha pensado em ir a Varsóvia mas juntou a vontade de ir conhecer Cracóvia e uma promoção da Ryanair e acabei indo.
varsóvia
No fundo eu imaginava que fosse um pouco como Bratislava, uma cidade um pouco parada no tempo e levei o maior susto quando cheguei na região da estação central e ví vários arranha-céus, Varsóvia é uma capital moderna (a mais moderna entre os ex-países comunistas que conheci) e arrojada que vive de negócios.
varsóvia

Moeda e preços na Polônia

O Euro ainda não foi adotado na Polônia e a moeda oficial é o zloty, os preços são os mais baratos de todos os ex-socialistas que já visitei, a comida é bem barata em relação a Londres, os preços são mais ou menos 40% mais baratos, dá para comer bem gastando pouco.
Fui muitas vezes a restaurantes e o jantar custava um pouco mais que um lanche numa dessas redes de fast food.
varsóvia

O que ver e fazer em Varsóvia

varsóvia
Já na chegada da cidade esse prédio imponente com traços comunistas nos lembra da “cortina de ferro” e de que a Polônia apesar de toda a modernidade de hoje, esteve sobre dominação soviética até o final dos anos 90. Hoje em dia o imóvel abriga o Palácio da Cultura e da Ciência.

varsóvia

Palácio presidencial de Varsóvia

É a residência oficial do presidente e na frente dois guardas montam sentinela noite e dia. Há até uma troca de guarda, nada pomposo como a troca de guarda em Londres, é mais ou menos como a troca de guarda de Bratislava. Durante minha estadia por lá choveu bastante e não pude fazer todos os passeios que eu tinha previsto, um deles foi o Palácio Lazienski.

varsóvia

Centro histórico de Varsóvia

O centro histórico de Varsóvia é incrível, com casinhas coloridas que parecem saídas dos livros
varsóvia

Eu, como já contei faço parte do grupo de mulheres que viajam sozinhas, e para Polônia fui sozinha e foi super tranquilo, tanto no quesito segurança como no quesito de homens dar em cima de você durante a viagem, achei o centro de Varsóvia bem tranquilo mesmo para quem volta a noite sozinha.

varsóvia

 Castelo Real

Bem na praça principal de Varsóvia fica o antigo palácio real da cidade, eu dei sorte de ir visitá-lo num domingo que tinha entrada grátis, mas vale a pena pagar 30 zlotys para conhecer o castelo, que foi todo reconstruído depois das guerras.

O castelo fica exatamente no local onde existiu uma fortaleza, mas assim como todo o centro de Varsóvia, o castelo foi fortemente bombardeado durante a Segunda Guerra e não restava quase nada dele, ele começou a ser reconstruído apenas em 1971 e só em 1994 é que foi reaberto ao público.

Varsóvia

Old Market Square que estava fechada para obras.

Quando comecei a pesquisar sobre a Polônia mais uma vez as pessoas falavam sobre a dificuldade de comunicação visto que poucas pessoas falavam inglês. Eu não tive problemas em lojas e restaurantes todo mundo falava inglês e mesmo em lugares menos turísticos todo mundo falava inglês, as únicas pessoas que eu encontrei que não falavam inglês foram as caixas do supermercado mas aí elas sorriam e me mostravam no visor quanto deu as compras.

varsóvia

A simpatia dos poloneses

Aliás gostei dos poloneses, foram muito simpáticos e várias vezes enquanto eu andava na rua com um mapa e essa minha cara de não-polonesa e uma cara de perdida as pessoas vinham e me perguntavam se eu estava perdida e me ajudavam a achar a rua, ainda que algumas pessoas não falassem inglês direito eles faziam gestos e sempre tentavam me ajudar.

Varsóvia
 Já no final do centrinho turístico a gente dá de cara com a Barbakan que é a barbacã de Varsóvia, esse murinho com fortificação em formato de semi-círculo. O barbacã foi construído no século XVI como uma remodelação dos muros da cidade que tinha sido construídos 2 séculos antes, caiu em desuso, foi reconstruído e hoje é a segunda maior da polônia perdendo apenas para a barbacã de Cracóvia.
 varsóvia
A sereia é o símbolo da cidade de Varsóvia, e esse também é um dos pontos turístico mas em função das obras do metrô tudo na região estava sendo quebrado, e essa praça que é super turística estava fechada com portão de madeira para obras, a foto eu fiz enquanto um caminhão com material de construção entrava.
Varsóvia

Essa foto foi a mais bonita da minha estadia em Varsóvia. A cidade foi duramente bombardeada pelas tropas de Hitler na guerra e em torno de 75% foi destruído, tudo que vemos no centro foi completamente reconstruído e apesar de toda a tristeza da guerra o centro de Varsóvia hoje reflete um colorido bonito, um pouco como se quisesse apagar a destruição e tristeza com cor e alegria.

Varsóvia
Varsóvia
Igreja de São Martinho
Varsóvia

Museu Marie Curie

O museu que funciona na casa onde nasceu Marie Curie que apesar de ter vivido na França era polonesa, o polônio elemento químico que foi descoberto por ela e por seu marido – Pierre Curie – leva esse nome em homenagem ao país natal de Marie Curie que recebeu o Nobel de Química e de Física.
Varsóvia
Pedaço do Castelo Real
 A chuva atrapalhou meus planos e não pude ver a parte nova da cidade e nem o gueto de Varsóvia, ainda assim fiquei surpresa com a cidade que eu não conhecia e terminei gostando, espero um dia poder voltar lá e fazer o passeio completo.
 gdansk

Onde comer em Varsóvia

Eu sou daquelas que adoram provar as especialidades locais, e desde minha primeira vez na Polônia eu adorei as comidas polonesas e em especial zurek, essa sopa ai de cima feita com batata, ovos e linguiça e o famoso pierogi que eu comi uma porção de vezes.

o que fazer em varsóvia

 Em Varsóvia eu praticamente só comi no Zapiecek, uma rede com alguns restaurantes na cidade que é especialista em pierogis, tem os tradicionais cozidos, tem frito e mesmo pierogis doces para sobremesa, eu provei o de frutas vermelhas e o de maçã e canela e gostei.
o que fazer em varsóvia

Onde se hospedar em Varsóvia

Na primeira vez que fui a cidade eu fiquei num hostel super barato e super bem localizado chamado Hostel Helvetia bom atendimento, café da manhã bom (para um albergue!) e quartos com poucas camas me fizeram escolher ele, escolhi um quarto com 4 camas e me colocaram num com 3 e ainda por cima vazio!



Booking.com

Planeje sua viagem e aproveite as ofertas dos nossos parceiros

Pesquisa de voos baratos: Pesquise e compare voos no JetRadar

As melhores ofertas de hotéis estão aqui: Booking.com

Se você prefere viajar de trem: Rail Europe

Aluguel de carro: As melhores tarifas para alugar um carro

Ônibus Turístico no mundo todo: Big Bus Tours

Reserve os ingressos para atrações e tours guiados: Ingressos corta fila para atrações no mundo todo

Prepare a sua viagem com os guias: Planeje já sua viagem!

Seguro de viagem, simples e flexível: Comprar, prolongar e requisitar online

A cada vez que você reserva pelo meu blog, eu ganho uma pequena comissão que ajuda a manter o blog, obrigada!

About The Author

Uma menina baiana morando em Hong Kong. Já chamou de casa cidades como Paris e Londres e hoje se aventura na Ásia. É viciada em viajar e ama Istambul de paixão!

Related posts

13 Comments

  1. Andrea K

    Eu amo a Polonia! Principalmente quando faz sol. Mas ja passei uma semana la em baixo de muita chuva. A primeira vez que fui a Polonia foi a Varsovia e gostei bastante. meu marido eh de uma cidade chamada Otmuchow O jeito de vida das pessoas parace com o Brasil. onde tem padaria, acogue, farmacia, uma igreja com uma praca na frende onde sempre tem um grupinho de pessoas jovens ou senhoras. Algumas casa quando vc passa na frente escuta o som ligado bem alto, Ou voce ve algumas senhoras que parece que nao sai da janela. rsrsrs me divirto muito. Toda vez que vou la parece que dei um pulinho no Brasil.

    Reply
    1. Paula

      Deve ser coisa de cidade pequena isso rsrs Eu achei as pessoas muito prestativas, sempre ajudando mesmo qdo não falavam inglês, infelizmente a chuva atrapalhou meus planos mas assim que puder eu volto pq fiquei sem visitar muita coisa

      Reply
  2. Bah

    Super legal e interessante a Polônia! Eu me interesso por países/cidades não muito turísticas e, pesquisando na net a gente acaba encontrando coisas bem diferentes mesmo.

    Kisu!

    Reply
    1. Paula

      Eu sempre penso que ainda tem muuuita coisa pra ver, o ruim dos países “desconhecidos” é que muitos deles não estão acostumados ao turismo e as vezes muitas coisas não funcionam

      Reply
  3. wesley

    tenho vontade de conhecer esse pais que quase nao se fala mas gostaria de ir no inverno nao me dou bem com verao ja pensei em ir pra londres,amsterdam mas a historia de varsovia me chama atençao vc poderia me dar umas dicas de como se locomover taxi,onibus,trem etc se la e agitado a noite ou e parado te aguardo

    Reply
    1. Paula Augot

      Wesley

      Realmente ainda se fala pouco sobre a Polônia e quando se fala é mais de Cracóvia e bem pouco sobre Varsóvia. Eu fui durante a semana então não achei muito agitado não, e pra piorar já não era mais verão então não ví agitação nenhuma.
      Sobre os deslocamentos, Varsóvia é uma cidade bem compacta (a parte turística!) e se você ficar no centro vai dar para fazer quase tudo a pé mesmo, e o que não fizer a pé tem ônibus e é bem simples de usar.

      Reply
  4. Elisabete Silva

    Dou os meus parabéns pelo seu Blog,gustava de ser agora jovem e poder fazer o que faz.Amo viajar, é o que mais gosto de fazer.Visitei a Polónia em 2014 e gostei muito,gostaria de voltar.

    Reply
  5. Roseane

    Olá.

    Tenho planos de conhecer Varsóvia em Out/16 (tá longe e perto, ao mesmo tempo).
    Então, meu maior receio é a lingua mesmo, já que tenho o inglês intermediário, mas não pretendo me privar de viajar por isso.
    Gostaria de saber sua opinião quanto ao fato de ir, sem a fluência no inglês, se possível ter uma experiência boa mesmo assim.
    Bjs e adorei acessar sua experiência!

    Reply
    1. Paula Augot

      Roseane!

      Não precisa adiar a visita a Varsóvia! Um inglês intermediário funciona e muito bem, já que você não vai precisar de muita coisa além de saber pedir em restaurante, e vocabulário básico para hotel ou perguntar o caminho se tiver perdida, não acho que vai ser um problema para você!

      Bjos e boa viagem!

      Reply
  6. Ana Catarina

    Retornamos de um tour pelas principais cidades da Polônia. Realmente é um país lindo com uma história incrível. País de primeiro mundo. Povo educado e religioso. Porém o sofrimento da guerra e a reliogidade não os ensinaram a amar uns aos outros. Não sabem receber o turista. Os poloneses na sua grande maioria são antipáticos e por vezes até grosseiros. Valeu a viagem pelas paisagens e experiência. Mas, não retornaria a Polônia nem de graça.

    Reply

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Mais em Europa, Polônia, Varsóvia
amsterdam
Amsterdam

antuérpia
O que Fazer em Antuérpia e o que Visitar

Fechar