Como Fui Morar na França?

Como Fui Morar na França?

como morar na frança

Esse é um post que já foi pedido várias vezes, mas acho que no Beleza sem Fronteiras não tinha espaço sobre, afinal lá é um blog de beleza, não é? Vou tentar resumir, mas há coisas que não posso deixar de fora…

Quando tinha 15 para 16 anos eu caí de amores pela França, não sei como e nem porquê, até porquê o coração tem razões que a própria razão desconhece, o fato é que eu passei a amar a França e tudo ligado a ela. 



Com o passar do tempo esse amor foi só crescendo e eu ficando chata porquê só falava da França, eu não tinha outro assunto, eu dizia a todo mundo que ia morar na França, mas a maioria das pessoas não davam muita bola. Mais ou menos na mesma época teve aquela novela chamada América, lembram? Onde a protagonista Sol tinha o sonho de morar nos Estados Unidos, o pessoal da faculdade começou a me chamar de “Sol da França” porquê eu não parava de falar da França.

Mais ou menos na mesma época comecei a pensar em como morar na França, pesquisei sobre intercâmbios, e até ví que minha universidade possuía convênios com universidades francesas, mas o custo que isso ficava estava totalmente fora da minha realidade, já que não haviam bolsas ou ajuda de custos. Nessa mesma época comecei a trabalhar nas férias para “juntar dinheiro para ir pra França” e descobrí que a maneira mais barata de estudar na França era ser au pair. Também foi mais ou menos nessa época que me matriculei num curso de francês.


Uns dois anos depois entrei com o pedido de visto, dei azar porquê foi exatamente na época em que o visto de estudante mudou, e passou a ser mais difícil, em 2008 eles começaram a exigir que fosse feita uma entrevista em francês com os candidatos.


Depois já na França, minha host family me ajudou a encontrar escola (meu visto de estudante me obrigava a frequentar uma escola de francês reconhecida pelo ministério da educação)


Meu primeiro ano na França, apesar de algumas dificuldades foi razoavelmente fácil, uma vez que como Au Pair eu já cheguei com casa e comida prontos, além de ter uma poupança guardada. Já o meu segundo ano como deixei de ser au pair e passei a estudar numa universidade precisei procurar casa, trabalho e ainda me virar entre minha vida escolar e pessoal, mas felizmente tudo deu certo.


Esse foi o começo da minha história por terras francesas…

Planeje sua viagem e aproveite as ofertas dos nossos parceiros

Pesquisa de voos baratos: Pesquise e compare voos no JetRadar

As melhores ofertas de hotéis estão aqui: Booking.com

Se você prefere viajar de trem: Rail Europe

Aluguel de carro: As melhores tarifas para alugar um carro

Ônibus Turístico no mundo todo: Big Bus Tours

Reserve os ingressos para atrações e tours guiados: Ingressos corta fila para atrações no mundo todo

Prepare a sua viagem com os guias: Planeje já sua viagem!

Seguro de viagem, simples e flexível: Comprar, prolongar e requisitar online

A cada vez que você reserva pelo meu blog, eu ganho uma pequena comissão que ajuda a manter o blog, obrigada!

About The Author

Uma menina baiana morando em Londres, apaixonada por cosméticos, e por viagens.. Adora viajar e tem uma queda por Istambul e Tóquio.

Related posts

22 Comments

  1. helena

    muito bem 🙂 confesso que tinha uma grande curiosidade em saber como voce se tinha lembrado de ir morar em frança!! so falta agora contar o seu conto de fadas com o maridão! 😉

    Reply
  2. Paula

    Débora

    Se isso realmente é seu sonho não desista…comece pagando um curso de inglês por exemplo que é mais acessível…depois vá juntando dinheiro aos poucos, sei isso realmente for seu sonho eu acredito que seja possível sim.

    Reply
  3. Paula

    Helena

    eu era a “maluca da França” mas acredito que esse era meu destino. Depois que eu conheci meu marido, eu pensei : ainda bem que fui louca o suficiente de ir pra França sozinha, caso contrário a gente jamaias de conheceria…

    Reply
  4. La bella vita

    Oi Paula,

    Acompanhava vc ja antes com o “beleza” e estou gostavando muito deste blog tbm.
    Nossa tragetória é parecida. Tbm sonhava com a França, fiz até um curso de françês no Brasil. Mas por razoes amorosas vim parar na Itália. Tbm trabalhei como aupair e agora estou na universidade.

    Tbm tenho tenho blog: priscilaitaly.blogspost.it

    Bjos e boa sorte nessa nova aventura! 🙂

    Reply
  5. Paula

    Jaqueline

    Depende. Depende do nível de língua que a pessoa tem, das qualificações dela e principalmente se ela é legal ou não

    Reply
  6. Marcela

    Que legal, Paula! Que bom que não desistiu dos seus sonhos, morri de rir com o “Sol da França” hahaha pra quem achou que não ia dar certo, deu tão certo que você ainda está na Europa hehe beijos

    Reply
  7. La bella vita

    Oi Paula,

    Desculpa, errei o endereço do blog é:

    priscilaitaly.blogspot.it

    é um blog de variedades. tem um pouco de tudo. no momento estou ensinando nossa lingua aos italianos.

    Tbm amo a França!!! Estive em Nice durante a Pascoa deste ano e amei!!!! Queria ficar por lah!! Mas a Italia tbm tem seu charme!

    Bjossss

    Reply
  8. Paula

    Priscila

    Então, na verdade eu chego dia 30 de julho em Roma, fico uns dias por lá e depois viajo, fico na Itália o começo do mês de agosto, se vc tiver por aí a gente pode se ver sim =)

    Reply
  9. val

    Oi,Paula,ja te acompanho la no Beleza Sem Fronteiras.Embora na o comente muito,mas fico em off rsrs lendo e anotando as dicas de cabelo.Inclusive comprei o Penetrait da Sebastian e tenho ate q rever seu post sobre ele pra poder usar.Entao, continuando,estou amando esse novo blog. E adorei o post. Parabens por ter batalhado em busca do seu sonho de conehcer e frança,estudar enfim. Admiro pessoas como voce,q nao ficam so na vontade,mas procuram um meio de vivenciar seus objetivos.Parabens! bjao.

    Reply

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *